ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O FOTÓGRAFO ZAMBEZIANO " RIAZ BARROS"

Seu nome complecto é Luís Álvaro de Barros, mas é conhecido artisticamente como Riaz Barros. Ele nasceu na cidade de Quelimane, exatamente no dia 16 de Agosto de 1995. Este jovem Zambeziano,tem a cor Azul como sua favorita e quando se trata de escolher o perfume ele deposita a sua preferência na marca Issey Miyak Blue.

Sobre seu maior sonho na vida, ele diz não ter nenhum. Contudo, revela que tem uma grande meta por alcançar: 



Terminar o Nível Superior em  Economia e Gestão

O Fotografo Zambeziano - Riaz Barros - concedeu uma entrevista exclusiva ao Musika Nova. Nela, o artista revela alguns detalhes da sua vida pessoal e profissional que, na nossa opinião, vale a pena saber.


Leia logo abaixo, a entrevista inédita com "RB" :

1. Se pudesses descrever a Riaz Barros à alguém que nunca ouviu falar de ti, como farias?

R/. Eu penso que nem eu mesmo saberia definir ao certo o Riaz Barros para mim mesmo, imagina para outra pessoa. Contudo, como pessoa, o Riaz Barros é uma pessoa verdadeira , integra , humilde, intensa, e que tenta respeitar os limites dos outros para não ferir aquilo que são as sensibilidades alheias, partindo do pressuposto que onde termina a minha liberdade começa a do outros.

2. Sabemos que o trabalho com a fotografia começa sempre de alguma forma não muito comum. Como foi no seu caso? Quais foram as maiores influências? 

R/. Ao certo, a fotografia na minha vida não teve um marco histórico, isto é, ela foi acontecendo gradualmente, de fotos simples no modo automático fotografando familiares , amigos etc. até os dias de hoje, que pessoalmente considero uma fase relativamente avançada e com conhecimentos básicos do modo manual. Mas sinceramente falando, eu não sonhava que um dia a fotografia seria algo tão importante na minha vida como é hoje. Dos 100% das 24h que um dia tem, actualmente, 50% da  minha vida é fotografia. Os restante 50% outras actividades. Influências como tal, talvez sejam os meus amigos como um todo. 

3. Com a sua experiência, quais as maiores dificuldades para um fotógrafo no início de carreira? 

R/. .....As maiores........Aquisição de material , promoção de imagem (serviços) , poder de negociação dos clientes.

4. Na fotografia, quando o amadorismo dá lugar ao profissionalismo, na sua opinião?

R/. É um questão pertinente! Eu penso que a transição do amadorismo ao profissionalismo é directamente proporcional aos resultados obtidos na execução da actividade fotográfica. O que dita está transição não é só o acto de receber algum valor por fotografar, mas sim mostrar idoneidade (dignidade ,Humildade , responsabilidade) durante a execução da actividade fotográfica e pautar sempre pela qualidade. 

5. Na sua opinião, qual o perfil de um fotógrafo ideal?

R/. Eu penso que um Fotografo Ideal é aquele que responde as necessidades do cliente de forma satisfatória.

6. Felizmente ou infelizmente, o mercado fotográfico Moçambicano apresenta-se com muita concorrência e cheio de talentos. O que fazes para conseguires singrar?

R/. Eu tento me manter actualizado, procurando sempre me informar sobre as novas tendências do mercado.

7. Com isso, o que a arte fotográfica já te rendeu até agora?

R/. ...... A arte fotográfica já me rendeu muita felicidade derivada de momentos únicos e eternizados.

8. É possível viver da Fotografia em Moçambique?

R/. Não posso fazer uma abordagem geral , mesmo até  porque não sei ao certo como anda o mercado nas outras províncias .  “ mas enfim  nada é impossível”.

9. Quais áreas da fotografia você considera mais promissoras actualmente?

R/. Actualmente, a área de Eventos, isto é, Fotografias de eventos (Casamentos , festas de aniversários etc.) que tem estado a evidenciar-se.

10. Achas importante fazer um curso de fotografia? Porque? Já fizeste algum?

R/. Acho importante sim , pois o saber não ocupa espaço, e um curso só ajudaria o fotografo a melhorar sua performance na fotografia. No meu caso, sim, já fiz um curso online, e tenho por  ai varias horas de tutorias ligados a fotografia.

11. No caso de um fotógrafo iniciante, na sua opinião, de que forma deve divulgar seu trabalho para captar novos clientes?

R/. Eu penso  que a formula exacta é dedicação ao trabalho , bom marketing , pois o cliente só aparece quando o trabalho chama atenção , quando o trabalho é bem feito.

12. Com sua experiência, que conselho daria pra quem pensa entrar nesta carreira?

R/. O meu conselho é simples: "Não desista , pois se não tentar não vai conseguir". 

13. Entramos já para o II trimestre de 2018. Conte-nos um pouco dos seus objectivos para o resto do ano na área fotográfica e para o futuro a longo prazo.

R/. Primeiro, solidificar aquilo que é a minha imagem , a imagem do Riaz Barros  como referência na fotografia. Também tenho em mente a aquisição de um espaço favorável no sentido de executar as minhas actividades fotográficas como “Empresa”.

14. Para quem quiser os sérvios do Riaz Barros, como deve proceder?

R/. Para quem estiver interessado nos meus serviços poderá entrar em contacto pelo 842405384, ou pelas redes sociais. Assim poderá saber da disponibilidade da agenda ,efectuar o pagamento,  e esperar o dia acordado para fotografar.


Curiosidades

1. Qual a pior e melhor parte da fama?

R/. A pior parte da fama é que  por vezes nos inibe de valorizar certos aspectos que foram decisivos na carreira das pessoas. Por vezes nos afasta de pessoas que realmente nos amam , faz brotar ganância e pode nos levar mesmo ao fim da nossa carreira. Pois todo cuidado é pouco.

A melhor parte da fama é  que ela Expande o nosso mercado , da a entender as pessoas sobre a nossa existência.  

2. Quais fotógrafos Moçambicanos você admira?

R/. Todos fotógrafos pertencentes ao AFOZA (Associação dos fotógrafos da Zambézia) e ao FOTOGRAFICAMENTE FALANDO. 

3. Aceitarias realizar uma sessão fotográfica a uma cliente nua (ou aproximadamente nua)?

R/. Sim.

Veja a seguir, algumas fotos tiradas por Riaz Barros:









Por: Isá Gildo
Share on Google Plus

About Musika Nova

Se me conheces com base no meu passado, permita-me que eu me apresente novamente!